sábado, 10 de junho de 2017

.
ESTA SEMANA NO 
"O JORNAL ECONÓMICO"

Europa alerta: 
Jovens europeus consomem cada vez mais substâncias psicoativas

As novas substâncias psicoativas, também conhecidas como "drogas legais" contam já com mais de 620 monitorizadas na União Europeia.

A Europa está preocupada com a crescente utilização das novas substâncias psicoativas, também conhecidas como “drogas legais” são substâncias nocivas muitas vezes utilizadas na UE como alternativas às drogas ilegais como a cocaína e o ecstasy, especialmente pelos jovens.
 .
A União Europeia já monitorizou mais de 620 substâncias e revelou que o consumo dos jovens está a aumentar. Segundo um trabalho desenvolvido pelo Parlamento Europeu, estas substâncias são lançadas no mercado com demasiada rapidez e as autoridades não têm capacidade suficiente para responder em tempo útil. Só em 2014 foram registadas 101 novas substâncias psicoativas na UE.

O consumo das novas substâncias psicoativas parece estar a crescer na Europa. São consumidas sobretudo pelos mais jovens. De acordo com o Eurobarómetro “Atitudes dos jovens face às drogas” de 2014, cerca de 8% dos jovens europeus já utilizaram este tipo de substâncias pelo menos uma vez na sua vida (5% em 2011). As percentagens mais elevadas registam-se na Irlanda (22%), Espanha e Eslovénia (ambos com 13%). Em Portugal 7% dos jovens afirmam  ter utilizado este tipo de substâncias pelo menos uma vez.

O problema, segundo a UE reside no facto de estas novas substâncias psicoativas poderem ser utilizadas de forma legítima no setor farmacêutico, na indústria química ou nos setores de tecnologia de ponta. Quando consumidas como drogas, estimulam ou deprimem o sistema nervosa central, causando alucinações, alterações na função motora, comportamento, perceção, e humor. “São vendidas em lojas ‘especializadas’, na Internet ou através de traficantes de drogas”, revela o estudo europeu. 

A União Europeia está a estudar propostas para agilizar o processo de avaliação das novas substâncias psicoativas e reavaliar a definição do termo droga.

* A denominação de "drogas legais" é imposição dos "donos do dinheiro" a quem a Comissão Europeia deve obediência.

.

Sem comentários: