09/08/2019

UMA GRAÇA PARA O FIM DO DIA

.

.
XXXI~MEGA FÁBRICAS
1-FÁBRICA DE ALIMENTOS
LOUCOS POR DOCES



* As nossas séries por episódios são editadas no mesmo dia da semana à mesma hora, assim torna-se fácil se quiser visionar episódios anteriores.

.
FONTE:  Miguel Ceballos 

.
.

X- OS BÁRBAROS

4-OS QUERUSCOS




FONTE:  Mega Medieval 

.

VÍTOR ROSA

.




O desporto e o lazer

É lugar comum dizer-se que o evento da industrialização determinou a eclosão do desporto moderno e a sua extensão a um fenómeno quase mundial. A atividade desportiva saiu dos estreitos quadros onde estava confinada, de alguns meios privilegiados e de algumas manifestações populares e tradicionais, mas episódicas. A sua expansão foi criada também pelas condições promovidas pela civilização técnica.

O século XX foi palco de transformações tecnológicas e sociais que alteraram a vida dos homens (no domínio tecnológico: o automóvel, o avião, a comunicação sem fios, os progressos médicos, o nuclear civil e militar; no domínio social: a emancipação das mulheres e dos adolescentes).

Neste processo de alterações, o lazer assume um papel importante. Entrámos numa sociedade de lazeres, com mecanismos particulares. Em França, Joffre Dumazedier, na década de 60, faz notar esta questão. A partir de 1980 o tempo livre tornou-se o tempo de vida mais longo, que ganhou sobre o tempo de trabalho e o tempo requerido a satisfazer as obrigações diversas (sociais, administrativas, higiénicas, familiares, domésticas, etc.). O trabalho não foi destituído socialmente. Ele continua organizador. É a partir do trabalho que se continua a distribuir as temporalidades sociais. O trabalho ritma e determina os modos de vida; dos ativos, bem como dos inativos. É o trabalho que continua a organizar o dia, a semana, o mês e o ano.

Retirando a questão profissional, os praticantes desportivos e não desportivos procuram aproveitar o lazer. Na sua continuidade, o fenómeno desportivo é inteiramente lazer. É isso que lhe dá sentido e lhe confere a sua especificidade. Sem o lazer, sem o surgimento de uma sociedade de lazeres, o fenómeno desportivo não existe. E, se existe, é de outra forma. O tempo livre tornou-se o primeiro tempo de vida nos países desenvolvidos. Uma tendência se afirma: consiste em compensar um trabalho cada vez mais intenso pelas atividades de lazer com uma intensidade correspondente.

Ouve-se dizer que o desporto reclama capacidades físicas. É verdade para o nível de alto rendimento, mas não o é para todas as práticas desportivas. A simples saúde permite amplas possibilidades de praticar desporto. O leque de práticas desportivas é também ele rico para a diversidade de gostos e de aptidões. Mas uma única parece inegável: o desporto tem a incomparável faculdade de preencher o tempo livre.

* Sociólogo, Doutor em Educação Física e Desporto, Ramo Didática. Investigador Integrado do Centro de Estudos Interdisciplinares de Educação e Desenvolvimento (CeiED), da Universidade Lusófona de Lisboa

IN "A BOLA"
04/08/19

.
.


1995.UNIÃO



EUROPEIA




.
10-Falsidade.com 
10.2 JOVEM DEMAIS, RÁPIDO DEMAIS




FONTE:  tbrsete .
.
e assim digo:
ADEUS Galaxy S10+



FONTE:  Nuno Agonia

.
.

Sara Tavares

Balance


.
.


I-GENOMA HUMANO


1-DESCODIFICANDO A VIDA



** Nesta senda de "bloguices" iniciadas em Setembro/17, iremos reeditar algumas séries que de forma especial sensibilizaram os nossos visitadores alguns anos atrás, esta é uma delas.

. .
.
CASA DE 6 x 17 metros 
 (3 QUARTOS)



FONTE:  FD Projetos

.
.
DESIGUALDADE GLOBAL
CHINA



Países asiáticos tiram milhões de pessoas da miséria, mas fosso de renda se abre. Na China, Estado usa mão pesada e financiamentos públicos a empresas para criar empregos, mas crescem as dúvidas sobre a sustentabilidade do modelo intervencionista

FONTE:  TV FOLHA

.
.
Abuso Sexual Infantil
Sequelas



.
.
ᖇᗩᙖ〇 ᘉ〇 ƬᕮᒪᕮᗰÓⅤᕮᒪ



 
    (__!__) 
rabo perfeito.


     !__!__! 

rabo quadrado.


     (::!::) 

rabo com celulite.


     (__@__) 

rabo de quem fez sexo anal-virtual.



     (__$__) 
rabo de prostituta de luxo.


     (__*__) 

rabo de quem está com frio.



     (__.__) 
rabo de quem está com muito medo.



     (__?__) 
rabo de quem não sabe o que vem pela frente 
ou melhor,  por trás.



     ( _o__) 

rabo pouco usado.



     (__O__) 
rabo bastante usado.



     (__+__) 
rabo de crente.



     (_____________0____________) 

rabo da Margarida Martins.



     (__8__) 
rabo de quem fez sexo anal 
com dupla penetração recente.



     (__!.!__) 
rabo com nádegas afastadas para 
exame próstata.



     (__!o!__) 

rabo com nádegas afastadas após 
exame próstata.



     (__!O!__) 
rabo com nádegas afastadas após 
endoscopia.



     (__;__) 
rabo com falha de limpeza após uso.



     (__-__) 

rabo de japonesa.



     (__V__) 
rabo de biquini.



     (__Y__) 
rabo de fio dental.



     (((__)(__))) 

rabo mole.



     (__x__) 
rabo de esposa.
.
.

2060
Senso d'hoje
MANUEL RODRIGUES
EX-INSPECTOR CHEFE
POLÍCIA JUDICIÁRIA
"O fracasso do combate à corrupção"




FONTE:  Voto Nulo

.
.

Quando menos se Espera!!


Baleias, Orcas e Tubarão Baleia
.
.

BOM DIA


.

.

82-CINEMA
FORA "D'ORAS"
IX-๏ и๏мэ ∂ล я๏รล

Sinopse:
Na última semana de novembro de 1327, num mosteiro na Itália medieval, a morte, em circunstâncias insólitas, de sete monges em sete dias e noites é o motor responsável pelo desenvolvimento da ação. Um monge franciscano é chamado para solucionar o mistério e cai nas malhas de uma trama diabólica. 
Na forma de uma crítica, as violências sexuais, os conflitos no seio dos movimentos heréticos do século XIV, a luta contra a mistificação, o poder, o esvaziamento dos valores pela demagogia, constroem uma reconstituição livre dos fatos históricos da época aos olhos do espectador. 

Elenco:
Sean Connery - William de Baskerville
Christian Slater - Adson de Melk
Helmut Qualtinger - Remigio da Varagine
Elya Baskin - Severinus
Michael Lonsdale - O abade
Volker Prechtel - Malachia
Feodor Chaliapin, Jr. - Jorge de Burgos
William Hickeyl - Ubertino da Casale
Michael Habeck - Berenger
Helmut Qualtinger - Remigio da Varagine


FONTE: Anisia N


* Apesar de deficiências na montagem deste filme na origem entendemos editá-lo por ser uma grande obra do cinema mundial com grandes intérpretes. Pensamos que quem a esta hora está disponível para visionar um vídeo saberá relativizar as falhas valorizando a qualidade do desempenho. OBRIGADO

A EQUIPA DE EDIÇÃO
.