03/12/2019

UMA GRAÇA PARA O FIM DO DIA

.


.
118-ARTE ARRISCADA
Nude Gymnasia Art Show

Interpretação:
Andrew Crayford 
Natasha Jervis 
Coreograia
Andrew Crayford
Local:
Castle Acre



* Nude dance and gestural poses for life drawing


FONTE:   Abiadultpics

.
.

ENGENHARIA DE TOPO/15

15.3- "Independence Of The Seas"


FONTE:  Renato Pereira da Silva 

.
.
HOJE NO 
"OBSERVADOR"
Morreu o psicanalista Carlos Amaral Dias

Tinha 73 anos e deixou de dirigir recentemente o Instituto Superior Miguel Torga, depois de ter sido absolvido num caso de fraude que envolveu a instituição de ensino e fundos de desenvolvimento.

Morreu o psicanalista Carlos Amaral Dias. Nascido em Coimbra há 73 anos, pai de quatro filhos, entre eles Joana Amaral Dias, dirigira até há pouco tempo o Instituto Superior Miguel Torga, com quem o Observador confirmou a morte.
.
Filho de dois enfermeiros, o pai da também psicóloga e comentadora televisiva Joana Amaral Dias quis ser jornalista quando era pequeno mas acabou por seguir o caminho da medicina. Cursou na Universidade de Coimbra e especializou-se em Psicologia, área à qual dedicou toda a vida. Obteve o grau de doutor através da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação (FPCE) da mesma Universidade e o tema da sua dissertação, um estudo que juntou a psicologia com a toxicodependência, foi a primeira aventura num tema que nunca mais largou.

Foi diretor do Instituto Superior Miguel Torga e professor catedrático da mesma FPCE onde se doutorou e do Instituto Superior de Psicologia Aplicada, em Lisboa, tendo colaborado ainda com outras instituições de ensino superior como as Universidades de Wisconsin e Porto Alegre.

Mais recentemente, em 2012, sofreu um Acidente Vascular Cerebral (AVC) que lhe deixou sequelas e do qual demorou cerca de cinco anos a recuperar, retomando mais tarde a sua atividade.

No início de abril de 2019 foi um dos sete arguidos absolvidos num caso de falsificação de documentos, fraude e utilização indevida de fundos comunitários num projeto financiado pelo Programa Operacional Potencial Humano (POPH), entre 2009 e 2010. Na altura ocupava o cargo de presidente do Instituto Superior Miguel Torga.

Há dois anos, o Observador fez-lhe uma entrevista de vida que pode ler aqui em que falava de como a doença lhe mudou a vida, mas também da carreira e da família.

* Cai uma tristeza quando morre um sábio.

.
.
VII - DITADORES
2-MUAMMAR AL GADDAFI




FONTE:  Mundo dos Docs  

.
.
HOJE NO 
"RECORD"
Sporting corta água e luz às sedes
 da Juve Leo e Directivo Ultras XXI

Juventude Leonina avança com queixa à Autoridade para a Prevenção e Combate à Violência no Desporto 
.
O Sporting cortou a água e a luz das sedes da Juventude Leonina e Directivo Ultras XXI. A denúncia foi feita primeiramente pela Juve Leo esta terça-feira, informação que Record apurou entretanto junto de fonte dos leões.

O corte foi efetivado na noite de segunda-feira, 2 de dezembro.

* Menos tráfico de droga naquela zona de Lisboa.

.
.
Os Reinos Perdidos de África
4.1- África Ocidental


DOCUMENTÁRIOS ptfelicitas

.
.
HOJE NO 
"DIÁRIO DE NOTÍCIAS"
SEF detém cabecilhas 
de rede criminosa internacional

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) deteve esta terça-feira em Lisboa dois dos principais elementos pertencentes a uma organização indiciada pela prática dos crimes de associação de auxílio à imigração ilegal e falsificação de documentos

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) deteve esta terça-feira em Lisboa dois dos principais elementos membros de uma organização criminosa de cariz internacional indiciada pela prática dos crimes de associação de auxílio à imigração ilegal, auxilio à imigração ilegal e falsificação de documentos, que atuava no Brasil e na Europa, e aos quais foi aplicada a medida de coação mais gravosa de prisão preventiva, após interrogatório judicial, informou o SEF em nota enviada às redações.
 .

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras adianta que, no âmbito da operação Alma Lusa, foi desmantelada uma organização criminosa que oferecia documentação falsa e toda uma logística para a obtenção fraudulenta de cidadania de países da Europa, nomeadamente de Portugal, que a troco de avultadas quantias de dinheiro (cerca de 20 mil euros), prometia a emissão fraudulenta de documentação portuguesa autêntica a cidadãos brasileiros que não reuniam os requisitos previstos na lei.

Os suspeitos obtinham documentação brasileira falsa junto de alguns cartórios do Brasil, nomeadamente certidões extraídas de um assento de nascimento arquivado, cujos dados biográficos eram abusivamente adulterados, permitindo-lhes comprovar, junto das Conservatórias do Registo Civil Portuguesas, que determinados indivíduos reuniam os requisitos legalmente previstos para lhes ser atribuída a nacionalidade portuguesa.

Os detidos, com idades entre os 45 e os 47 anos, são já conhecidos das autoridades europeias e brasileiras pelos antecedentes criminais, tendo eles mesmo usufruído deste esquema criminoso.

As diligências de cumprimento de mandados de busca foram realizadas em duas fases: a primeira fase na grande Lisboa, entre 7 a 12 de novembro, e a segunda fase no norte de Portugal, que culminou esta terça-feira, tendo sido apreendida variada prova dos crimes praticados, sendo de realçar o elevado número de processos instruídos com base em falsas certidões que permitiriam a nacionalidade portuguesa a cidadãos brasileiros, bem como material informático e outro material que relaciona os suspeitos com a atividade criminosa desenvolvida.

A investigação continua agora sob a coordenação do Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP), coadjuvado pelo SEF, e conta com a cooperação, através das redes institucionais de cooperação policial internacional, da Interpol, da Polícia Federal Brasileira, das autoridades canadianas, mexicanas, francesas e do Gabinete Nacional Sirene.

* Os portugueses são normalmente muito lestos a criticar as organizações de polícia nacionais e bastante lerdos a elogiá-las. Registe-se o nosso respeito para com os profissionais do SEF.

.

MANUEL CARVALHO DA SILVA

.




Emprego e pobreza

Segundo os dados recentemente divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), em 2018, cerca de 17% das pessoas auferiam rendimentos líquidos inferiores a 501 euros por mês. Isto significa, na fria linguagem da estatística, que estavam "em risco" de pobreza.

A percentagem e o número absoluto de portugueses nessa situação de "risco" - depois da contabilização das transferências de apoios sociais para essa população - havia aumentado bastante nos anos negros do "ajustamento" e regredido consideravelmente a partir de 2015, no conjunto da população. Constata-se, contudo, que tal regressão não se verificou entre os empregados onde, pelo contrário, até aumentou entre 2017 e 2018. Esse aumento ainda foi mais grave entre os desempregados.

O agravamento da pobreza no conjunto dos desempregados, pode dever-se ao facto de o aumento significativo de emprego neste período ter absorvido muitos desempregados, tendencialmente os mais qualificados e ativos, continuando no desemprego os que dispõem de menos recursos de todo o tipo. Se assim é, deve-se definir políticas específicas para não deixar cada vez mais desprotegidas estas pessoas.

A sociedade portuguesa não pode condescender face à persistência da pobreza entre quem trabalha. À tese de que é preciso fazer crescer o bolo da riqueza produzida antes de este ser repartido, há que contrapor a exigência de a riqueza ser melhor repartida exatamente quando é criada, desde logo através da melhoria dos salários e da qualidade do emprego. É que o bolo até cresceu, mas a percentagem dos lucros que vai para o investimento produtivo é cada vez menor; e a fatia do bolo que cabe ao trabalho manteve-se na dimensão a que tinha sido reduzida pelas políticas de desvalorização salarial do "ajustamento", feito pela troika e pelo Governo PSD/CDS.

O agravamento da pobreza no grupo dos empregados não é nenhum mistério: o emprego cresceu, mas em média os salários associados a esse novo emprego são muito baixos e o emprego muito precário, o que os desvaloriza ainda mais. E a situação seria mais grave se o salário mínimo não tivesse sido atualizado. É por tudo isto que a discussão sobre política de rendimentos - e dentro desta a da política salarial - é muito importante. A este propósito relevo a atualidade de um "Barómetro" sobre "Negociação salarial: o que está em jogo?" da autoria de José Castro Caldas (1) .
 .
O Governo avançou com referenciais de crescimento médio dos salários para os próximos quatro anos, apontando o valor de 2,7% para 2020, quando a dinâmica do mercado no último ano impôs um crescimento de cerca de 3%, ou seja, aponta uma atualização abaixo da que está a acontecer no terreno. Entre os empresários temos - conforme os dias, os setores e as plateias - uns a defenderem a necessidade de melhores salários e de negociação de carreiras profissionais e outros a insistirem nas políticas da desvalorização salarial, lado do qual se colocam, em regra, os dirigentes das confederações patronais.
 .
Confirma-se que, até agora, o que está em marcha na Concertação Social não é a busca de um acordo para a valorização salarial de que o país precisa, mas sim o estabelecimento de um teto travão às dinâmicas de crescimento dos salários e também à contratação coletiva.

*Investigador e professor universitário
 
(1) Barómetro #20 do Observatório sobre Crises e Alternativas: Castro Caldas, J. (2019), Negociação salarial: o que está em jogo. Disponível em: https://www.ces.uc.pt/observatorios/crisalt/

IN "JORNAL DE NOTÍCIAS"
30/11/19


.
.


2111.UNIÃO



EUROPEIA


ERDOGAN NUNCA
.
.
256-BEBERICANDO



COMO FAZER
GIN TÓNICO COM MARACUJÁ E MORANGO 


.
.
HOJE NO
"DIÁRIO DE NOTÍCIAS/
/DA MADEIRA"
Cláudia Monteiro de Aguiar apela a maior solidariedade com Cabo Verde

Deputada do PSD apresenta relatório sobre acordo de pescas da UE com este país

Cláudia Monteiro de Aguiar apresentou ontem na Comissão Parlamentar das Pescas, no Parlamento Europeu, em Bruxelas, o relatório do Parlamento sobre o acordo de pescas sustentável entre a União Europeia e a República de Cabo Verde.

A vice-presidente da Comissão de Pescas destacou a importância deste acordo para o desenvolvimento da economia azul deste país da macaronésia, apesar da relativa dimensão da compensação financeira. “Assumi a redacção deste relatório do Parlamento Europeu relativo a um país irmão e amigo, cuja compensação resulta num apoio importante ao seu sector das pescas e da economia azul, relevante para o povo cabo-verdiano que, reconheço, deveria ser superior.”
.
No entanto, segundo Cláudia Monteiro de Aguiar, Cabo Verde deve também fazer um esforço para reforçar as parcerias com outros países interessados na actividade de pesca na sua Zona Económica Exclusiva, nomeadamente através da celebração de acordos de pesca. Para a deputada madeirense, “devemos compensar as boas práticas, eventualmente até mais que proporcionalmente, tendo em consideração a conjuntura de Cabo Verde, mas não devemos deixar de reforçar a importância de garantir uma pesca sustentável e do combate à pesca ilegal.”

O primeiro Acordo de Pesca celebrado entre a União e Cabo Verde data de 1990 e, através da negociação de sucessivos protocolos de aplicação, a frota da europeia tem acesso àquelas águas em troca de uma compensação financeira.

Tendo em conta que o último Protocolo em vigor terminava a 22 de dezembro de 2018, iniciaram-se as negociações para a sua renovação em junho de 2018, tendo sido possível chegar a acordo sobre as condições do novo Protocolo em outubro 2018.

O novo Protocolo, com uma duração de 5 anos, um ano a mais que o anterior, concede à frota atuneira da UE licenças para 28 cercadores, 27 palangreiros de superfície e 14 de salto e vara, a serem distribuídos por Portugal, Espanha e França e, a contribuição financeira concedida pela UE, passou de 500 mil euros por ano para 750 mil euro por ano, dos quais 350 mil euros são destinados ao apoio ao setor das pescas de Cabo Verde.

* MACARONÉSIA -
Região biogeográfica que compreende quatro arquipélagos: o dos Açores, o da Madeira, o das Canárias e o de Cabo Verde. Todas as ilhas são vulcânicas e mantêm entre si afinidades biológicas, geológicas e humanas. A fauna e a flora da região são bastante diversificadas, abundando as espécies endémicas.
(INFOPEDIA)

.
.
I-OBSERVATÓRIO DE QUASE TUDO
4 - QI, O GRANDE LOGRO




FONTE:   DocumentariosCiencia

.
.
HOJE NO 
"O JORNAL ECONÓMICO"
João Almeida critica “cedência” política ao “triste espectáculo” de Greta Thunberg

O deputado e candidato a presidente do CDS-PP diz que “é preciso fazer política a sério” porque “um ícone e meia dúzia de palavras de ordem” não resolvem os problemas que os movem. “A cedência de muitos políticos a esse triste espetáculo mostra a superficialidade dos tempos que vivemos”, indica.

O deputado e candidato a presidente do CDS-PP, João Almeida, lamentou esta terça-feira o “circo” montando à volta da chegada da jovem ativista sueca Greta Thunberg a Portugal. O democrata-cristão diz que “é preciso fazer política a sério” porque “um ícone e meia dúzia de palavras de ordem” não resolvem os problemas que os movem.
.
“O circo montado à volta de Greta [Thunberg] e a cedência de muitos políticos a esse triste espetáculo mostra a superficialidade dos tempos que vivemos. Um ícone, meia dúzia de palavras de ordem, e tudo fica mais ou menos na mesma. É preciso fazer política a sério”, escreveu João Almeida, numa mensagem publicada nas redes sociais.

Greta Thunberg desembarcou esta manhã na Doca de Santo Amaro, em Lisboa, depois de ter atravessado o Oceano Atlântico a bordo de um catamarã, para participar na cimeira do clima da Organização das Nações Unidas (ONU), que se realiza em Madrid.

À chegada, Greta Thunberg foi recebida pelo presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina, e o presidente da comissão parlamentar de Ambiente, o deputado bloquista José Maria Cardoso, bem como outros deputados e jovens ativistas portugueses. Entre os deputados que vieram receber André Silva, porta-voz do PAN, Hugo Carvalho, do PSD, Maria Manuel Rola, do Bloco de Esquerda, e Mariana Silva, do PEV.

Já o Presidente da República anunciou que não iria cumprimentar Greta Thunberg por considerar que poderia “ser considerado aproveitamento político”. “Pensei duas vezes, estar a misturar podia ser considerado um aproveitamento político por mim de uma realidade mais ampla e mais vasta e acho que não tenho esse direito”, afirmou o chefe de Estado.

Greta Thunberg é uma das vozes mais conhecidas atualmente na defesa do ambiente e das greves climáticas.

* Muito engraçado o sr. deputado candidato a  presidente  dum partido que presumivelmente a dona Assunção internou nos cuidados paliativos. A miúda Greta Thunberg já fez mais pelo planeta que o sr. João Almeida fez pela rua onde mora. A miúda é notícia em todo o mundo por boas razões, o sr. João Almeida é registo informativo em alguns meios nacionais quase sempre por penúria de razões.

.
.
Rita Rice

“Rise up”


The Voice Portugal - Prova Cega

.
.
HOJE NO 
"CORREIO DA MANHÃ"
Juiz Rui Rangel demitido pelo
.Conselho Superior da Magistratura

Em causa está o seu envolvimento no processo criminal Operação Lex.

O juiz Rui Rangel foi esta terça-feira demitido da magistratura pelo Conselho Superior da Magistratura (CSM), devido ao seu envolvimento no processo criminal Operação Lex, revelou à agência Lusa fonte do CSM.
.
A decisão de expulsar o magistrado foi esta terça-feira tomada por maioria dos membros do plenário do Conselho Superior da Magistratura com um voto vencido.

Também à juíza Fátima Galante, ex-mulher de Rangel e arguida no processo Operação Lex, foi aplicada pelo CSM a pena de aposentação compulsiva.

Em comunicado no qual confirma aquelas decisões, o CSM - órgão de disciplina dos juízes - refere que as penas disciplinares aplicadas a Rui Rangel e Fátima Galante referem-se a "factos praticadss no exercício de funções conexas com matéria criminal ainda em segredo de justiça".

O CSM esclarece que os processos disciplinares são autónomos em relação ao processo-crime [Operação Lex]", mas que os factos estão estritamente ligados.

Inicialmente, o envolvimento de Rui Rangel na operação Lex levou à sua suspensão provisória de funções no Tribunal da Relação de Lisboa (TRL), em 09 de novembro de 2018.

O juiz regressou à 9.ª secção criminal do TRL, após ter expirado o prazo da sua suspensão.
Hoje o CSM, órgão de gestão e disciplina dos juízes, encerrou o processo disciplinar aberto ao desembargador com aplicação da pena de expulsão de funções.

O processo da Operação Lex, ainda em fase de inquérito, tem 14 arguidos e investiga suspeitas de corrupção/recebimento indevido de vantagem, branqueamento de capitais, tráfico de influências e fraude fiscal.

Fátima Galante e Rui Rangel são dois dos arguidos neste caso, que envolve, entre outros, o presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, o vice-presidente do clube Fernando Tavares, e ainda João Rodrigues, advogado e ex-presidente da Federação Portuguesa de Futebol.

 As diligências do processo decorreram em 30 de janeiro de 2018, não havendo ainda acusação. O processo está a cargo do Ministério Público junto do Supremo Tribunal de Justiça.

* Dura lex sed lex

.


DO MAR, O LIXO
~7.9~
𝒫𝑒𝓃𝓈𝒶𝓃𝒹𝑜 𝒩𝑜𝓋𝒶𝓈
ℰ𝒸𝑜𝓃𝑜𝓂𝒾𝒶𝓈 




E se a gente tratasse o lixo como matéria prima e ele voltasse para a natureza? 
Você já ouviu falar em economia circular? 

No nono episódio de Mares Limpos, a gente conversa sobre como funciona a produção, os bens de consumo e a logística desse sistema que reduz profundamente o impacto ambiental. 

A natureza é projectada para o desperdício zero, por que a gente não volta para esse lugar? 
Vamos?


FONTE: Menos 1 Lixo
 
.

De um simples volante a uma direção inteligente



FONTE:   Observador

.
.
Léman Express 
prestes a rolar



FONTE:  euronews

.
.
6.COELHINHAS
"𝕼𝖚𝖊 𝖛𝖎𝖉𝖆 𝖙𝖆̃𝖔 𝖉𝖚𝖗𝖆"
1986



* 𝑷𝒐𝒊𝒔 𝒉𝒂́ 𝒒𝒖𝒆𝒎 𝒑𝒆𝒏𝒔𝒆 𝒒𝒖𝒆 𝒔𝒆𝒓 𝒑𝒍𝒂𝒚𝒎𝒂𝒕𝒆 𝒕𝒆𝒎 𝒗𝒊𝒅𝒂 𝒇𝒂́𝒄𝒊𝒍 𝒎𝒂𝒔 𝒏𝒂̃𝒐 𝒆́ 𝒗𝒆𝒓𝒅𝒂𝒅𝒆, 𝒆𝒍𝒂𝒔 𝒅𝒊𝒗𝒆𝒓𝒕𝒆𝒎-𝒔𝒆 𝒎𝒂𝒔 𝒑𝒖𝒙𝒂𝒎 𝒑𝒆𝒍𝒐 𝒄𝒂𝒏𝒂𝒔𝒕𝒓𝒐.


FONTE:  rhinofiber8

.
.
SIMPLEX



.
.


2176
Senso d'hoje
CLARA FERREIRA ALVES
COLUNISTA
ANALISTA POLÍTICA
«Ninguém gosta de polícias 
   até ao dia em que precisa deles»



FONTE:  SachenSachenSachen

.

NOTÍCIAS PARA HOJE

.
COMPRE JORNAIS








.
.

Slinky Brincando


.
.

BOM DIA


.