segunda-feira, 29 de maio de 2017

UMA GRAÇA PARA O FIM DO DIA

.

.
4-BELAS SEDUTORAS
E PERIGOSAS


FONTE: CONEXÃO REPÓRTER

..
.
.
EROTIC PERFORMANCES

7-MONOGRAFIA
CAMILA COSTA





* COREOGRAFIA DE PINA BAUSCH

.
.

MINUTOS DE

CIÊNCIA/139

O Problema do Roubo de 100 Reais


TESTE SUA INTELIGÊNCIA

FONTE: MATEMÁTICA RIO

.
.

 X-MEGA MÁQUINAS

2- CERN
(a maior máquina do mundo)


*Interessante série reveladora da quase perfeição mecânica, notável produção da NG.

* As nossas séries por episódios são editadas no mesmo dia da semana à mesma hora, assim torna-se fácil se quiser visionar episódios anteriores.

.

VÍTOR SOUSA

.





Lenços de seda

Uma resposta que mereceu o louvor da professora porque, disse com propriedade, "efectivamente, as leis da física ditam a vitória, numa prova de gravidade, de uma perna maciça, como a do Valdemiro, sobre um antebraço ou qualquer outro membro mais pequeno e leve". Ninguém suspeitou daquele suspiro

Treinava-se muito na recruta dos heróis, essa brincadeira de crianças habituadas a acordar com notícias sobre o avanço das tropas. Cabinda, Nambuangongo, mata do Maiombe, Chimbete, Kwanza, Angola é nossa, turras, palavras ainda distantes das crianças de 61, a grande reserva de mortos do Império. 11, 12, 13 no máximo, toda a vida pela frente quando se julgava que para trás ficava o jardim do infantário e à frente as grandes expedições do adultério. Somos muitos, basta ver naquelas romarias até ao cais quantos levam o Vera Cruz, o Santa Maria e as criancinhas a infernizar as mães - quero ser grande e ir para a guerra, quero ser grande e ir para a guerra -, sem saberem que, por maior que fosse o homem, gastavam-se fortunas para emoldurar o trabalho do retratista, uma fotografia de corpo inteiro antes que o Estado fizesse do bastardo meio irmão, meio filho, meio corpo, meia pensão.

Mães, avós, tias, primas, namoradas, noivas, amantes e os soldadinhos, alguns que nunca privaram muito com mar, ilhéus que só sabem afogar-se, prontos para a despedida. Há deles instruídos pela família, pelo cruel silêncio da família, pelo abraço do pai porque é o próximo da fila, a deixarem-se ficar para que sobre pão na mesa. Um filho útil, pelo menos um, que obrigue o Cerejeira a bater-me continência com a mesma reverência que me paralisou o braço direito e forçou-me a educar a canhota para educar esta cambada. Se não for pedir muito, filhinho querido, que o Cónego Roseira ainda esteja capaz de celebrar o teu funeral. Foram muitos anos a engolir aquelas boquinhas na missa, do bla bla que a mão direita não saiba o que faz a esquerda. Hão-de pagar todos, justiça me faças.

Regressavam os rapazes a casa, 62, 63, e continuávamos a ganhar a guerra. Numa ou noutra ocasião solene, o carteiro trazia notícias de um primo que antes ajudava no tpc e continuou a ser muito útil quando a professora tinha a palmatória pronta para quem não cumprisse os requisitos da hipérbole. "O meu primo Valdemiro é paraquedista e aterrou, ao mesmo tempo, em imensos lugares num raio de mil metros, sensivelmente". Uma resposta que mereceu o louvor da professora porque, disse com propriedade, "efectivamente, as leis da física ditam a vitória, numa prova de gravidade, de uma perna maciça, como a do Valdemiro, sobre um antebraço ou qualquer outro membro mais pequeno e leve". Ninguém suspeitou daquele suspiro, muito menos da escusa por indisposição súbita, mas a professora recordava-se demasiado bem da emergência com que o Valdemiro aterrava na educação visual e se empenhava no estudo do meio.

Foi-se o Valdemiro, ganhou-se um aluno que foi progredindo na escola até aprender a detectar a imprecisão dos matemáticos do Ultramar que davam todos por esquartejados, quando não era líquido que o Napalm só dividisse alguém em quatro. 66 e os magriços, Torres de atalaia, o Simões a sentá-los, Coluna de um Império que não se verga, que marcha contra os bretões até que uma rádio entra nos descontos como se o Eusébio rematasse do Minho até Timor. 67, 68, ai de nós sem Salazar, mas a nossa vitória é contínua e os rapazes agora de barba e outras coisas rijas a amadurecerem para a vindima da Pátria. 69 e já se sabe que isto dá muitas voltas, amor, mas vem aí 70, a recruta para ser o melhor a amar-te em desespero, a desaparecer sem deixar rasto, recordista do lançamento do pulmão. 71 a 73 vai ser de perder a cabeça por ti, desgraçado poeta do óbvio, rapaz educado que deixou à namorada um lenço de seda. – O que é isto? – , surpreendida por ver no lenço uma gota de sangue. – É o mapa de Angola, meu amor.

Uma questão de tempo até à capitulação deles, diziam uns e outros. É só esperar um pouco mais até à rendição absoluta, ajude-nos o vento. Esvoaça a ridícula bandeira vermelha que fora branca, retirada à pressa de um qualquer sítio por onde não devia sair o almoço. A miopia, o daltonismo, razões legítimas para não o inimigo não distinguir a assinatura inimitável de um homem que tinha bom interior, agora estragado numa bandeira que era branca. Não arrancava o vento, o que só piorava a situação de quem estudou com zelo as regras da guerra. Há regras para matar, para dosear o sal e atenuantes para quem mata de novo os mortos, habituado que estava a ouvir o morto gritar "morri" no recreio da escola.

Nem bandeira era, antes um lenço que alguém levou para manter a educação de casa em qualquer situação. Nunca se sabe das horas do corpo, filho. Um espirro seguido de perdão, um perdão seguido de santinho, um santinho seguido de grito, de gritos, de pânico, médico, médico, médicooooo porra, socorro, o coro da companhia que ainda há pouco entoava o hino, mão no peito e agora demasiadas mãos para o pouco tronco do camarada, o camarada mais educado de todos que envergonha a Mãe sem um lenço para acomodar o espirro do estômago, a rajada do ventre, a pressa de um coração que tem o desplante de se abrir ao mundo como se cumprisse a metáfora gasta dos maus poetas. A julgar pelo esguicho, a jugular deu de si, mas ainda há força para golfar uns bocábulos – no bolso das calças, no bolso das calç –, e corre um camarada para trazer a perna – não é essa, não é – e corre outro camarada que encontra a perna certa por exclusão de partes, mas já é quase tarde quando alguém encontra os lenços de seda bordados pela Mãe e pouco mais há a fazer do que cosê-los, formar uma bandeira que passe por branca, esperar que o vento nos ajude. E que aquele sacana veja bem como se debruçam os camaradas sobre um rapaz que sussurra "digam à minha Mãe que o nariz esteve sempre limpo."

- Os alvos estão imóveis. Abrir fogo e siga para casa porque hoje é sexta-feira santa.

IN "SÁBADO"
23/05/17

.
.


1245.UNIÃO



EUROPEIA



.

2- OS ENIGMAS DA
GRANDE ESFINGE


FONTE: O UNIVERSO DO DOCUMENTÁRIO

..
.

4.3-CONSUMISMO

(Obsolescência Planeada)



FONTE: o SEU universo

..
.
HOJE  NO 
"JORNAL DE NEGÓCIOS"

Mudança climática promete 
tirar o sono a muita gente

Esta é a conclusão de cientistas que estudam como o calor perturba o sono — e como o aquecimento projectado deverá tornar o sono mau ainda pior.

Conduzida por Nick Obradovich, do Centro Belfer de Ciência e Assuntos Internacionais, da Universidade de Harvard, uma equipa de pesquisadores é a primeira a documentar a relação entre o aumento da temperatura e o sono precário. Estes responsáveis analisaram as respostas de 765.000 cidadãos dos EUA em análises dos Centros para o Controlo de Doenças realizadas entre 2002 e 2011. Comparando as respostas sobre o sono com as temperaturas locais dos participantes, além de encontrar uma correlação entre a temperatura e o sono, os pesquisadores descobriram que ela é três vezes mais forte no Verão.
.
O novo estudo vincula essa experiência individual — adormecer — a um fenómeno planetário — o aquecimento global. O estudo sugere que o aumento das temperaturas mudará gradualmente até os aspectos mais mundanos da vida quotidiana.

A fisiologia da temperatura e do sono é conhecida há algum tempo. À medida que o corpo entra no estado de inconsciência, os vasos sanguíneos da pele dilatam-se, o que permite que o calor saia e reduz a temperatura interna do corpo. Estudos anteriores mostraram que uma temperatura ambiente acima do normal "pode impedir que o corpo desprenda calor, e o sono precário é associado à alta temperatura interna do corpo", escreveram os autores.

À medida que o planeta se torna mais quente, as temperaturas do ar nocturno sobem a um ritmo mais acelerado que as do ar diurno. Esse facto aparentemente ilógico tem sido documentado há anos por cientistas que estudam o clima global e é uma peça importante do quebra-cabeça que não pode ser ignorada num momento em que os EUA (ao contrário da maioria do planeta) têm dificuldades para aceitar que a mudança climática é uma realidade provocada pelos seres humanos. Se o sol fosse responsável pelo aquecimento, as temperaturas diurnas subiriam mais.

Após estabelecer um vínculo entre sono e temperatura, os pesquisadores utilizaram projecções do aquecimento global para ver como os problemas de sono dos americanos poderiam piorar na segunda metade do século.

O mais surpreendente para Obradovich foi que os pesquisadores conseguiram observar um forte efeito do calor sobre o sono. Os EUA são um país rico, e muita gente pode contar com um aparelho de ar-condicionado durante as ondas de calor. "Mesmo com essa capacidade de adaptação imediata, observamos efeitos nos EUA", explicou.

Quando se fala do sofrimento provocado pelas temperaturas mais quentes, no entanto, os idosos e os pobres são os mais afectados.

Solomon Hsiang, que estuda os efeitos da mudança climática no comportamento humano e na economia na Universidade da Califórnia em Berkeley, considera que o novo estudo é o primeiro a analisar metodicamente a temperatura, o clima e o sono. Os resultados, diz, "indicam efeitos sistemáticos e importantes".

Entre eles, o aumento das consequências negativas de estar cansado o tempo todo. "As pessoas cometem erros cognitivos importantes quando dormem mal, seja bater com o carro ou tomar más decisões no trabalho", afirma Hsiang.
 "Os estudantes não aprendem como deve ser se não dormirem, e a privação de sono constante prejudica a saúde das pessoas. O sono é tão fundamental para todos os aspectos da vida que uma alteração do clima durante muitos dias por mês é um custo real e importante que precisa ser levado a sério."

* Durma bem!

.
.

The Smoking Time Jazz Club

When I Get Low I Get High


.
.
HOJE  NO 
"DESTAK"

INE confirma corte à cabeça de 13,88% nas reformas antecipadas deste ano

As reformas antecipadas pedidas este ano terão um corte à cabeça de 13,88%, tendo em conta os dados da esperança média de vida, de que depende o fator de sustentabilidade a aplicar àquelas pensões, hoje confirmados pelo INE. 
 .
Os dados definitivos da esperança média de vida aos 65 anos, hoje publicados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), indicam que este indicador é de 19,31 anos, confirmando-se assim as estatísticas provisórias avançadas em novembro.

Fonte do Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social disse hoje à Lusa que estes dados farão com que "o fator de sustentabilidade a aplicar às pensões atribuídas este ano seja de 13,88%".

* Mais tesos mas vivinhos.

.
.
HOJE  NO 
"i"

Portugal no pódio 
da demora a pagar faturas

O Estado demora, em média, 95 dias a pagar as suas faturas. Portugal está também no topo do Índice de Risco de Pagamento.


Segundo um estudo Intrum Justitia, entre 29 países europeus, Portugal é, depois da Grécia, o segundo país com maiores atrasos no setor público. Os gregos demoram 103 dias a pagar e portugueses, a par dos italianos, 95 dias.
.


Do lado oposto da tabela estão Reino Unido, Estónia ou Finlândia, países nos quais a média de pagamentos no setor público se situa nos 22 dias.
O 'Relatório Europeu de Pagamentos 2017' da consultora revela também que Portugal está no topo da lista dos países dos países em risco elevado de não virem a pagar as suas faturas.
Mais de metade (58%) dos inquiridos no estudo aponta que o impedimento do crescimento das empresas é a consequência mais grave dos atrasos nos pagamentos.

O documento revela também que mais de três quartos (76%) das empresas em Portugal aceitaram prazos de pagamentos mais longos do que consideram razoável. A média europeia é de 58%.

A grande maioria (82%) dos inquiridos portugueses – a média europeia é de 67% - apontam a situação financeira dos devedores como o principal motivo para os atrasos nos pagamentos. Já 62% das empresas que responderam ao inquérito revelam que a principal questão é o atraso intencional no pagamento.

"Apesar de o cenário ser mais confortável nos países do norte, o setor público, um pouco por toda a Europa, tem pressionado as empresas para alargarem os prazos de pagamento, numa situação que se agravou comparativamente com o ano anterior", afirma a consultora, citada pela agência Lusa.

O 'Relatório Europeu de Pagamentos 2017' é baseado numa pesquisa realizada em simultâneo, entre  fevereiro e março, em 29 países europeus. Neste relatório a Intrum Justitia reúne dados de 10648 empresas na Europa.

O objetivo é compreender os comportamentos de pagamento e a saúde financeira das empresas na Europa, facultando uma visão geral dos riscos de pagamento e vulnerabilidade dos mercados e das empresas.

A Intrum Justitia é uma consultora europeia de serviços de gestão de crédito e cobranças.


* O atraso no pagamento por parte do Estado, nomeadamente a regularização do IVA já levou muita empresa à falência.


.
.
AUTOCARRO FLORESTA



FONTE: AFPBr

.
.
HOJE  NO 
"A BOLA"

Prendas a árbitros passam 
a ter um limite: 150 euros

A Assembleia Geral da Liga para discutir as alterações ao Regulamento Disciplinar foi interrompida – será retomada no dia 12 -, mas houve algumas propostas que acabaram aprovadas. 
 .

A que merece mais destaque está relacionada com as prendas aos árbitros, que passarão a estar limitadas aos 150 euros, em artigos regionais ou de merchandising – o limite proposto pela FPF para o seu próprio Regulamento Disciplinar é de 200 euros, a UEFA impõe um limite de 300.

Aprovados ficaram também algumas propostas que preveem o aumento do valor mínimo das multas em muitos dos ilícitos disciplinares, mas os pontos mais quentes ficaram por discutir, uma vez que Benfica e Vitória de Guimarães pediram, no início dos trabalhos, que cada artigo fosse discutido ponto por ponto, o que acabou por motivar o adiamento da Assembleia Geral.

* Limitar o valor das prendas a árbitros a 150 euros é admitir que  a partir desta verba o árbitro é comprável, um sofisticado insulto à arbitragem nacional.

.
.
HOJE NO 
"AÇORIANO ORIENTAL"


Portugal tem condições para discutir
 fim da epidemia de VIH/sida

O vice-diretor executivo do Programa da ONU sobre o VIH/sida considerou hoje que Portugal "tem todas as condições" para começar a discutir o fim da epidemia no país.
.
Luiz Loures esteve em Lisboa a assistir à apresentação dos mais recentes dados portugueses sobre a infeção por VIH e considerou que Portugal tem uma das mais avançadas legislações que protegem contra a discriminação, além de permitir o tratamento de estrangeiros sem discriminar a origem geográfica.

“Portugal tem todas as condições para dar um passo mais ambicioso e começar a discutir o fim da epidemia no país. O fim da sida aqui já começou”, afirmou o responsável do Programa ONUSIDA.

Luiz Loures considerou que Portugal deve começar a pensar ir além das metas definidas para 2020 pela ONUSIDA, conhecidas por 90-90-90: 90% das pessoas infetadas diagnosticadas, 90% das pessoas diagnosticadas em tratamento e 90% das pessoas em tratamento com carga viral indetetável.

Segundo a responsável pelo Programa Nacional para a Infeção VIH/sida, Isabel Aldir, das cerca de 45 mil pessoas que vivem com VIH em Portugal, 90,3% estão diagnosticadas.

O país também já atingiu a segunda meta, tendo 91,3% das pessoas diagnosticadas em tratamento. Falta atingir o terceiro objetivo, estando atualmente o país com 88% das pessoas em tratamento com carga viral indetetável.

* Quando os portugueses querem são bons.

.
.
60 ANOS DO
TRATADO DE ROMA



.
.
HOJE  NO 
"CORREIO DA MANHÃ"

Três inspetores da ASAE 
agredidos na Taça de Portugal

A Associação Sindical dos Funcionário da ASAE (ASF-ASAE) informou esta segunda-feira que três inspetores daquele serviço foram agredidos por vendedores ambulantes no domingo durante a final da Taça de Portugal.
 .
Em comunicado, o sindicato adianta que uma equipa da Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE), constituída por três inspetores em serviço nas imediações do Estádio Nacional do Jamor por ocasião da final da Taça de Portugal, foi agredida por vendedores ambulantes que vendiam material de origem contrafeita, tendo um dos elementos recebido assistência hospitalar.

Segundo a ASF-ASAE, os inspetores da ASAE estavam no Estádio do Jamor numa âmbito de uma operação de combate à contrafação e à especulação e venda irregular de bilhetes para a final da Taça de Portugal, que decorreu no domingo.

Perante estas agressões e uma vez que está a ser negociado o estatuto da carreira dos inspetores da ASAE, o sindicato que representa estes profissionais chama a atenção para que o Governo tenha em considerações este tipo de situações, sublinhando que a ASAE "não é um mero organismo de inspeção do Estado".

A ASF-ASAE refere também que recentemente foi retirado aos inspetores da ASAE o bastão extensível devido à não existência de enquadramento legal para o seu uso, apesar de ser um meio menos coercivo e letal do que as armas de fogo de nove milímetros distribuídas a estes profissionais.

O sindicato critica que os bastões tenham sido usados durante sete anos ilegalmente sem que nada tenha sido feito para a sua regularização. Segundo o sindicato, o recurso à arma de fogo só é permitido como medida extrema e quando outros meios menos perigosos se mostrem ineficazes.

Nesse sentido, a ASF-ASAE questiona: "Perante uma eventual escalada da agressividade e da ameaça, quem se responsabilizaria pelo recurso à arma de fogo, quando o bastão extensível poderia ter sido o meio mais adequado à defesa dos inspetores e à imobilização dos agressores"?

* Somos absolutamente contra esta violência gratuita, os agentes têm de se sentir protegidos quando actuam, mas pior que isto é a violência silenciosa de Salgados, Bavas, Granadeiros, Loureiros, Pintos de Sousa, Oliveiras e Costas, Rendeiros e tantos outros que minam a sociedade portuguesa, esta violência é assassina.

.
.
HOJE  NO 
"OBSERVADOR"

John McCain diz que Putin 
é mais perigoso para os EUA do 
que o Estado Islâmico

Para o senador do Arizona, "o Estado Islâmico pode fazer coisas horríveis", mas Vladimir Putin continua a ser "a primeira e mais importante ameaça para os EUA".

O senador e ex-candidato presidencial John McCain disse numa entrevista à ABC que o Presidente da Rússia, Vladimir Putin, representa uma ameaça maior para os EUA do que o autoproclamado Estado Islâmico.
 .
“Eu acho que o Estado Islâmico pode fazer coisas horríveis”, disse o senador republicano do Arizona. “Mas foram os russos que tentaram destruir as bases da democracia e alterar o resultado de umas eleições americanas.” Assim, para o homem que Barack Obama derrotou nas eleições presidenciais de 2008, Vladimir Putin é “a primeira e mais importante ameaça [para os EUA], ainda mais do que o Estado Islâmico”.

Noutras ocasiões, com especial insistência desde o final de 2016, quando surgiram as alegações de que a Rússia poderia ter influenciado as eleições norte-americanas, John McCain chamou Vladimir Putin de “assassino” e “bandido” repetidas vezes.

Sobre a alegada interferência da Rússia nas eleições presidenciais de 8 de novembro do ano passado, que resultaram na vitória de Donald Trump, John McCain disse: “Eu não vi nenhuma prova de que eles tiveram sucesso, mas eles tentaram e ainda estão a tentar influenciar eleições”.

“Eles tentaram influenciar o resultado das eleições francesas”, acrescentou. “Por isso eu olho para Vladimir Putin — que desintegrou a Ucrânia, uma nação soberana, que está a pressionar os bálticos — e para os russos como o maior desafio que temos de longe.”

Para John McCain, os EUA devem agir com novas sanções contra a Rússia. “Não fizemos nada desde as eleições de novembro para responder à tentativa de Vladimir Putin para influenciar as nossas eleições. Por isso, bem jogado, Vladimir! Ainda não reagimos de maneira nenhuma”, lamentou John McCain, que é uma das vozes mais críticas de Donald Trump dentro do Partido Republicano.

O senador do Arizona disse ainda que, em matérias de segurança nacional, fica “nervoso de vez em quando” em relação ao Presidente dos EUA. “Eu acredito que o Presidente tem uma grande confiança na equipa de segurança nacional. E acredito que a maior parte das vezes ele aceita o seus conselhos e a sua orientação. Mas posso dizer que ele fá-lo a toda a hora? Não. E isso incomoda-me? Sim, incomoda.

* Putin é o maior terrorista do mundo, ainda por cima institucionalisado.

.
.
75-NO GINÁSIO
1-PERNAS E GLÚTEOS

GINÁSTICA LOCALIZADA



FONTE: EXERCÍCIO EM CASA

.
.

1260
Senso d'hoje
VINICIUS DUARTE
COMPOSITOR, BALADEIRO 
INTERVENCIONISTA ANARQUISTA 
"COITADINHO DO BANQUEIRO"


Coitadinho Do Banqueiro 
(by Vinícius Duarte) 

Ai coitadinho do banqueiro 
Hoje teve manifestação 
E os vândalos mascarados 
Bobos feios e malvados Depredaram o patrimônio desse pilantra 

Ai coitadinho do banqueiro 
Que ganha honestamente seu dinheiro 
Financiando o crime organizado
 E esquemas de corrupção 
Não há uma máfia no mundo sem a bênçao dele 

Ai coitadinho do banqueiro 
Ele é tão pobrezinho 
Manda e desmanda na economia 
E na política dos países 
Ninguém ganha eleição se ele não deixar 

Ai coitadinho do banqueiro 
Tem tanto a nos ensinar 
Mestre de todos os bandidos 
Professor dos mafiosos 
Se você quer entrar pro crime aprenda com ele 

Ai coitadinho do banqueiro 
Tão fraquinho e indefeso 
Escondido em carros fortes 
Protegido pela polícia 
Financiando uma repressão feita pra você 

Ai coitadinho do banqueiro 
Eu prefiro as prostitutas 
Que são mulheres muito descentes 
Honestas e profissionais 
E não merecem ser xingadas de mãe do banqueiro 

Ai coitadinho do banqueiro 
Em seus paraísos fiscais 
Vivendo na imundice 
Como bicho no chiqueiro 
Engordando com lavagem de dinheiro 
Ai coitadinho do banqueiro 
Vítima de vandalismo 
Se beneficia da crise 
Lucra com a miséria alheia 
Depois não venha chorar a agência depredada 
Depois não venha chorar o vidro derramado

FONTE: Desconstruindo Ideias


.

NOTÍCIAS PARA HOJE

.
 COMPRE JORNAIS 













 .
.
MUDANDO A COR





.
.

BOM DIA


.
.

50-CINEMA
FORA "D'ORAS"

VII-SONHOS ROUBADOS


ÚLTIMO EPISÓDIO PRÓXIMO "FORA-DE-HORAS" A 02/06/17
.