sexta-feira, 26 de maio de 2017

.
HOJE  NO 
"DESTAK"


Ministro da Cultura destaca "contributo
.inestimável" para o cinema

O ministro da Cultura, Luís Filipe Castro Mendes, manifestou hoje o seu pesar pela morte do distribuidor cinematográfico José Manuel Castello Lopes, destacando o seu "contributo inestimável" para "a democratização do cinema em Portugal". 
 .
"Castello-Lopes foi um verdadeiro ícone do cinema português e uma das personalidades mais respeitadas no setor. O seu contribuo foi inestimável para a promoção e democratização do cinema em Portugal", lê-se na nota d epesar do ministro da Cultura, enviada às redações.

Luís Filipe Castro Mendes enviou igualmente "as mais sentidas condolências" à família.

* A sua causa era o cinema, por ele a PIDE prendeu-o.

.

Sem comentários: