sábado, 17 de junho de 2017

.
  HOJE NO 
"RECORD"
Fernando Santos: 
«Coloco as mãos no fogo 
pelo senhor Cristiano»

Depois de Rui Patrício, também Fernando Santos saiu a público para defender Cristiano Ronaldo. Na conferência de imprensa de antevisão ao duelo com o México, que marca a estreia na Taça das Confederações, o selecionador nacional recordou que conhece há muito o capitão, deixando um "registo claro e inequívoco" em relação à sua opinião.
 .
"Vocês sabem que conheço o Ronaldo há muitos anos, fui o último técnico dele em Portugal, ainda tinha ele 18 anos. Coloco as mãos no fogo - e é coisa que raramente faço! - pelo carácter ou idoneade do senhor Cristiano, quer como homem e atleta. Fica aqui o registo claro e inequívoco", disse.

Prosseguindo no mesmo assunto, Fernando Santos enalteceu a relação forte de amizade que se vive na Seleção: "Tenho um pacto simples com os jogadores. Todos conhecem a relação que tenho com os jogadores... Tudo o que tem a ver com afetividade e questões de nível pessoal, tratamos fora daqui. Por isso viajo e visito muito os jogadores. Quando estamos em estágio a nossa relação passa a ser mais estratégica e tática. As outras questões passam ao lado, ficam de fora. E é preciso ter cuidado com as fontes, quem transmite as coisas. Houve notícias que vi, que nunca ouvi isso lá dentro... É bom termos cuidado com as coisas que se lançam. Depois há outra parte e isso não é de hoje. Apoiar o Ronaldo? Esta seleção tem uma relação fortíssima. É uma seleção conhecida pela sua relação. Construímos um 'nós' e o 'eu' deixou de existir. Estamos todos sempre uns com os outros."

* Nós também pomos as mãos no fogo por CR7, sem equívocos.

.

Sem comentários: